Contra a militarização da América Latina e a entrega das soberanias nacionais, unidade e ação

Cerca de 250 convidados de 32 países reuniram-se em Guantánamo, Cuba, no 5º Seminário Internacional pela Paz e a Abolição das Bases Militares Estrangeiras, para reforçar a unidade anti-imperialista. Com 865 bases militares esparramadas pelo mundo (quase a totalidade das existentes) e outros mecanismos de projeção do seu poderio, os EUA sustentam uma ofensiva generalizada, embora seus… Leia mais Contra a militarização da América Latina e a entrega das soberanias nacionais, unidade e ação

Renegociando a soberania: Temer e Serra querem dividir base de Alcântara com os EUA

Em 2003, o Governo Lula engavetou o acordo assinado pelo ex-presidente Fernando Henrique Cardoso com os Estados Unidos para o uso da base de Alcântara, no Maranhão, por preocupação óbvia com a soberania nacional e a autonomia brasileira no programa espacial. Entretanto, o Governo Temer, em sua ilegitimidade e vocação entreguista, busca retomar as negociações.… Leia mais Renegociando a soberania: Temer e Serra querem dividir base de Alcântara com os EUA

Reino Unido: O segundo maior comerciante de armas do mundo e os crimes de guerra no Iêmen

Desde o início da ofensiva militar liderada pela Arábia Saudita contra o Iêmen, em março de 2015, quase quatro mil civis iemenitas foram mortos. Em um relatório da Organização das Nações Unidas (ONU), divulgado no final de agosto de 2016, os números dão espaço às denúncias de crimes de guerra. Mesmo assim, no início de… Leia mais Reino Unido: O segundo maior comerciante de armas do mundo e os crimes de guerra no Iêmen

Manutenção da guerra custou 2,3% do PIB mundial em 2015

O mais recente relatório do Instituto Internacional de Estocolmo de Pesquisas para a Paz (Sipri) confirma que a tendência de aumento dos gastos militares mundiais voltou a se verificar em 2015. Aproximadamente 2,3% do Produto Interno Bruto (PIB) de todo o planeta foi investido na guerra, ou seja quase US$ 1,7 trilhões (quase R$ 6… Leia mais Manutenção da guerra custou 2,3% do PIB mundial em 2015

Estados de exceção servem à segurança de quem?

Por Moara Crivelente | Coluna no Portal Vermelho Apenas nesta semana, ao menos três atentados terroristas tomaram os noticiários internacionais, uns com mais destaque, outros com menos. No Iraque, no Paquistão e na Bélgica, quase 200 pessoas foram mortas por grupos que usam esta tática brutal para espalhar o temor da morte repentina. Na narrativa… Leia mais Estados de exceção servem à segurança de quem?

Debate na ONU evidencia necessidade de alternativas à ordem hegemônica e militarista

As alternativas ao “realismo” e ao liberalismo imperante precisam de novo impulso. Em guinadas emancipatórias, críticos da ordem hegemônica, movimentos sociais anti-imperialistas, acadêmicos e líderes progressistas – ou não – promovem a construção de um sistema mais justo e representativo. Entretanto, deparam-se com a reação das potências para a manutenção daquela ordem, com discursos que… Leia mais Debate na ONU evidencia necessidade de alternativas à ordem hegemônica e militarista

Netanyahu busca ocupar a política internacional com a colonização da Palestina

O primeiro-ministro israelense, cada vez mais isolado, já admitiu: não pretende “permitir” o estabelecimento do Estado da Palestina. Benjamin Netanyahu trava uma batalha diplomática por enraizar, na política internacional, a defesa da ocupação. Na semana passada, o Brasil foi confrontado com a nomeação de um ex-líder colono para o cargo de embaixador de Israel. Já na… Leia mais Netanyahu busca ocupar a política internacional com a colonização da Palestina